Cabrito Assado À Moda Da Serra Do Caramulo

Veja a receita de Cabrito Assado À Moda Da Serra Do Caramulo

Cabrito Assado À Moda Da Serra Do Caramulo
Cabrito Assado À Moda Da Serra Do Caramulo

A confeção do Cabrito Assado estende‑se por grande parte do território da Serra do Caramulo.

Este prato era tradicionalmente consumido aquando das festas dos padroeiros das aldeias, na Páscoa e noutros momentos festivos.

O segredo desta iguaria reside no sabor do cabrito de Raça Serrana, alimentado da vegetação da Serra do Caramulo, e também na forma da sua confeção, utilizando‑se a assa‑ deira de barro negro para assar o cabrito em forno de lenha.

Atualmente este prato pode ser degustado diariamente nos diversos restaurantes existentes e protago‑ niza a Semana Gastronómica do Cabrito e da Serra do Caramulo, que ocorre em junho e atrai muitos visitantes à região.

A excelente condição paisagística do concelho de Tondela, nomeadamente a Serra do Caramulo e as encostas dos rios Dão e Dinha, constitui o habitat ideal para várias espécies de caça

Receita de Cabrito Assado À Moda Da Serra Do Caramulo

Ingredientes:

  • 1 Cabrito
  • 3 a 5 kg
  • 6 dentes de alho
  • Folhas de louro
  • 1,5 colher de sopa de Colorau
  • 1 ramo de salsa
  • 3 piripíris pequenos
  • Sal grosso q.b.
  • 0,75 dl de vinho branco maduro
  • 1 dl de azeite
  • 1,5 colher de sopa de banha de porco

Instruções:

  • Depois de limpo e retirada a fressura, desmancha se o cabrito em pedaços grandes.
  • Seguidamente barram se com uma papa feita com os alhos esmagados, sal grosso, o colorau, o piripíri, o louro, o azeite e a banha. Junta se o ramo de salsa e rega se com algum vinho.
  • O cabrito terá de ficar assim de um dia para o outro ou pelo menos 3 a 4 horas.
  • Deverá ser assado em forno de lenha à temperatura adequada. Coloca se numa assadeira de barro preto de Molelos e leva se a assar.
  • O processo de assadura terá de ser vigiado de forma que o cabrito fique bem tostado. Para isso deve ir sendo regado com o molho acumulado na assadeira. Na falta deste, utilizar o vinho branco que sobrou do tempero em cru.
  • Finalmente, depois de pronto, deverá ser servido com batatinhas assadas, arroz de miúdos (fressura) e grelos salteados.



Fonte: Receita Retirada de “Receitas e Sabores dos Territórios Rurais”, editado pela Minha Terra - Federação Portuguesa de Associações de Desenvolvimento Local